Ser feliz

Temos muita tendência para nos esquecermos das regras mais básicas sobre ser feliz. Uma das maiores é que quase tudo o que nos faz crescer por dentro está à distância de uma vontade só: a nossa. E, a melhor parte de todas, é grátis.

Pouco me importa que lhe chamem clichê, frase feita, lugar comum, pouco original e nada criativo. Não precisamos de andar a rebuscar palavras e a construir grandes narrativas para percebermos, mesmo, a ciência simples que está na base da felicidade.

Um pouco de sol, uma praia por perto, areia nos pés, água do mar, crianças livres, pensamentos alinhados com a força das ondas, pessoas no mesmo comprimento de onda, o sorriso de um desconhecido, um gesto de bondade, poder ir e voltar sem hora marcada, fazer desvios no caminho, descobrir a serendipidade da vida, acolher o que é de acolher,  e nunca, por nada, deixar de acreditar que o que nos faz bem  faz sempre sentido.

Sofia Castro Fernandes
(Adaptação)

Anúncios

One thought on “Ser feliz

Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: